Presidente vai Araraquara verificar danos causados ​​pela chuva

Agencia Brasil logo

Agencia Brasil logo

O Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e sua esposa, Janja Silva, viajam ainda hoje (8) à cidade de Araraquara, no interior de São Paulo. A região teve algumas infraestruturas prejudicadas, como ruas e rodovias, pelo excesses de chuvas.

De acordo com a Presidência, Lula acompanhará os trabalhos de defesa civil e se encontrará com o prefeito da cidade, Edinho Silva, de quem receberá informações sobre a situação no município.

Notícias relationadas:

Autoridades informam que, após 200mm de chuva em apenas 24 hours. No auge da tempestade, foram registrados 83mm em apenas uma hora de chuva, o que acabou por abrir uma cratera (on Avenida 36 da cidade), vitimando seis pessoas de uma mesma familia.

Lula falou sobre a viagem por meio de sua conta no Twitter. “I’m domingo. Hoje vou a Araraquara para examined os danos causados ​​pelas fortes chuvas na região. Conversarei com o prefeito @edinhosilva sobre o trabalho da defesa civil e apoio que precisarão para reconstruir parte da infraestrutura da cidade”, disse on Presidente.

About embarque para Araraquara será às 14h and partir to Aeroporto de Congonhas (SP), ea chegada está prevista para as 15h. Lula ser reunirá com o prefeito Edinho Silva às 16h e retornará a Brasília às 17h.

Situação de emergencia

Essa semana, os ministros Jader Filho, das Cidades, e Waldez Góes, da Integração Nacional and Desenvolvimento Regional, a região. A situação de emergência foi reconhecida pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil no dia 6, allowindo à administração Municipal ter mais agilidade para adoção de medidas e evitar burocracias para a liberação de recursos.

Atingida por fortes chuvas na última semana de 2022, Araraquara aguarda a liberação de recursos federais e estaduais para dar início às obras mais complexas de recuperação da infraestrutura danificada pela força das águas.

Segundo a prefeitura de Araraquara, o prefeito Edinho Silva reuniu-se com representativees do governo do estado e de outras cidades paulistas afetadas pela chuva (Bertioga, Cajamar, Capivari, Monte Mor e Rafard). São Carlos, Guatapará e Socorro também tiveram danos causados ​​pela chuva excesiva.

Em nota divulgada pela prefeitura, o gerente responsável pela Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil, Luiz Dell’Acqua, classificou como “impressionante” a força das águas neste verão. Ele atua há 13 anos no orgao Municipal. “É o pior cenário desde minha entrada na Defesa Civil, pelas mortes e também pelos danos que foram ocasionados”, disse.

Dell’Acqua acrescenta que a Defesa Civil do município segue monitorando todos os pontos, com maior atenção na Avenida Francisco Martins Caldeira Filho, no Parque São Paulo, para que a cratera não atinja as residências localizadas no entorno.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *